Gibson cria o "Murphy Lab" para réplicas de guitarras vintage

Comparte este artículo en

Gibson anunciou que Tom Murphy, um pioneiro no mundo das guitarras relíquia, juntou-se à empresa para liderar o recém-criado Murphy Lab. Isso funcionará como uma divisão dentro da Gibson Custom Shop focada na construção de réplicas de guitarras elétricas históricas.

Em seu papel como Mestre Artisan – Master Artisan – Murphy liderará o "Laboratório" para "reimaginar e implementar novas maneiras de entregar a experiência histórica da Custom Shop da Gibson."

Gibson CMO César Gueikian declarou: “Ao celebrarmos o 60º aniversário da guitarra elétrica Gibson Les Paul Standard de 1959, não consigo pensar em um momento mais emocionante para lançar o Murphy Lab sob a liderança de Tom, que foi fundamental para o início da Gibson Custom Shop e desenvolveu o processo de envelhecimento. "


Sergio Villanueva, novo chefe da Custom Shop da Gibson

Por outro lado, Gibson também anunciou a nomeação de Sergio Villanueva como chefe da Gibson Custom Shop. Villanueva chega à Custom Shop depois de passar vários anos na Taylor and Fender, onde atuou como vice-presidente sênior de fabricação global. 

Gibson Les Paul 1959RI, Note Murphy Lab.
Guitarra elétrica padrão Gibson Les Paul

Em relação a isso, o CEO da Gibson, James Curleigh, disse: "Estou animado para trazer Sergio para a Custom Shop para esta posição de liderança em um estágio tão crucial para a Gibson." “Sergio é um Luthier respeitado que trará um renovado senso de arte e excelência operacional para a Custom Shop. Ele é a escolha perfeita para liderar nossa equipe de Custom Shop no futuro. "

Villanueva passou os últimos cinco anos na Taylor Guitars como gerente de fábrica de sua nova unidade em Tecate, no México. Antes disso, ele passou 25 anos na Fender, onde trabalhou desde o gerenciamento de produção de cordas até o vice-presidente sênior de fabricação global.


Você sempre pode compartilhar opiniões ou conversar sobre isso e muito mais com outros músicos em nosso fórum: https://guitarriego.com/foro/

Siga-nos também no Instagram @guitarriego ou Facebook: https://m.facebook.com/guitarriego/


Comparte este artículo en

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.